Xangai

IMG_0598Em meio aos arranha-céus, o vai e vem caótico de pessoas apressadas em uma cidade que não dorme. A maior cidade da China com mais de vinte milhões de habitantes se destaca por sua modernidade e obsessão por prédios cada vez mais altos. Ostentação. Xangai ostenta riqueza. Passeando pelas ruas é comum ver carros de luxo desfilando imponentes. Quase acreditei que o Porsche era um carro popular. Pela primeira vez me deparei com uma Lamborghini ao vivo e a cores a roncar os motores para delírio dos espectadores amantes de carros. Você consegue encontrar qualquer coisa em Xangai: boa comida, excelentes hotéis, lojas das mais variadas grifes internacionais. Tudo que uma cidade grande tem para oferecer e muito mais.

Xangai possui uma vida cultural  bastante agitada. A cidade é destino certo da turnê asiática da maioria dos cantores de sucesso. Museus estão por toda parte e mostras de arte de relevância mundial tem ali parada obrigatória. Eventos esportivos também estão no calendário. Ou seja, não tem como ficar entediado, mas com certeza você ficará alguns dólares mais pobre. Para morar ou para “turistar” é caro. Bem caro. Principalmente em comparação com outras cidades da China. Os preços em Xangai são comparáveis aos de algumas capitais européias. Mas se dinheiro não é problema para você, se jogue. Bem vindo a Nova Iorque asiática!

IMG_0591
Fila para a Pearl Tour

Se você pensa em visitar essa megalópole, mas é avesso a multidões é melhor mudar seu destino. Na melhor das hipóteses, não viaje durante um feriado nacional chinês. Ai sim a cidade se torna um verdadeiro formigueiro e a disputa por espaço acontece já no nível molecular. Filas e mais filas num verdIMG_0582adeiro teste de paciência. Três horas de espera pode ser razoável para os lugares mais disputados e turísticos. Um dos prédios mais visitados é o Pearl Tour. Essa construção psicodélica que parece uma nave espacial extraterrestre, proporciona uma bela vista não só da cidade ao redor, mas também abaixo dele.  Para os turistas com medo de altura, o chão de vidro da Torre Pérola Oriental  é um pesadelo e causa vertigem até nos mais destemidos.

IMG_0557
Bund

Na praça central (Bund) você consegue enxergar as mais bonitas edificações de Xangai as margens do rio Huangpu. Todos se aglomeram para esperar o cair da noite e o acender das milhares de luzes. Se você tiver sorte, talvez consiga tirar uma foto através das centenas de cabeça sem rosto que insistem em aparecer no seu álbum da tão esperada viagem para China. Eu não tive tanta sorte.

Um dos lugares mais visitados pelos turistas ocidentais se esconde no subsolo, longe da vista. A principio, nada demais, lojinhas de acessórios, lembrancinhas, badulaque em geral. Quando você começar a caminhar logo será abordado por vários vendedores que te oferecerão, em inglês perfeito, alguns itens que não estão no mostruário. No meu caso eram bolsas. Fui seguindo a vendedora que ziguezagueava por entre as pessoas com um destino certo. Quando chegamos no local, não havia nada demais até a vendedora abrir uma parede falsa no fundo da loja e me fazer subir uma escada até um buraco no teto. Depois de escalar e entrar no pequeno quarto secreto pude ver todas as marcas das mais luxuosas bolsas ali a minha disposição e a um preço que a maioria dos mortais consegue pagar. Mas mesmo assim, pechinche. Você conseguirá levar o item para casa pela metade do preço que está sendo oferecido. Pesquise antes de fazer a compra, são muitas as lojas que oferecem produtos com qualidade variada: de baixa a alta. Provavelmente você irá encontrar modelo que está procurando e se não encontrar? Eles fazem para você.  Para os consumistas de plantão, não se preocupem, vocês irão encontrar muito mais do que bolsas. E se não encontrarem? Eles fazem para você.

Escrito por

Nascida na capital federal, morei nos EUA, Itália e atualmente me encontro no país mais populoso do mundo. Isso mesmo, estou morando na China, mais precisamente na cidade de Hefei. Sinta-se a vontade para procurar essa pequena cidade (para os parâmetros chineses) de mais de 7 milhões de habitantes no mapa. Sou formada em Física pela Universidade de Brasília e PhD em astrofísica pela universidade de Roma. Sempre ávida por dividir conhecimento, não somente no campo das ciências, mas também as minhas experiências pessoais , preferências literárias, etc. O leque é muito grande, então por simplicidade, digamos que gosto de debater sobre tudo e sobre nada, sobre qualquer coisa der na telha.

2 comentários em “Xangai

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s