O universo escuro

Como muitos de vocês já sabem, o livro “O universo escuro” foi lançado dia 15 de outubro (2016) na livraria FNAC do Park Shopping em Brasília. A intenção do livro é divulgar a ciência, mais precisamente o estudo da cosmologia. Mas o que é cosmologia? Essa subarea da física e da astrofísica tenta compreender como o universo começou, como ele se desenvolveu para formar as estruturas que conhecemos hoje, e o destino que o aguarda. Ainda hoje são muitos os mistérios. Nossa jornada começa na antiguidade quando Ptolomeu coletou séculos de observação do céu, descrevendo o movimento dos corpos celestes em sua grandiosa obra, “Almagest“.  Vários homens, durante quase dois milênios, estudaram e aperfeiçoaram nosso entendimento do cosmos. E nesses dois mil anos de história, aprendemos e continuamos a aprender, numa incessante busca pelo saber. A ilimitada curiosidade humana diante do desconhecido, nos faz ir cada vez mais longe. De Ptolomeu à recente descoberta das ondas gravitacionais. Perguntas sem resposta que permeiam nosso imaginário: o que é matéria escura? O que é energia escura? Embarque nessa viagem no tempo, na redescoberta do passado,  no esclarecimento do presente. Embarque no nosso universo escuro. O livro pode ser adquirido no site http://www.editorakiron.com.br, e nas livrarias FNAC de todo o Brasil. Se você é um entusiasta, interessado, e reconhece a importância da divulgação científica no Brasil divulgue, compartilhe. Boa leitura!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resumo do livro:

“Há milênios o homem olha para o céu tentando desvendar seus muitos mistérios, sempre a procura de respostas para as muitas perguntas que rodeiam a nossa existência. Em uma viagem no tempo, conhecemos um pouco dessa jornada. De Ptolomeu a Albert Einstein, a história da cosmologia moderna foi construída aos poucos, a passos modestos, sustentada por um grande poder criativo de pessoas que dedicaram suas vidas a tentar entender a natureza em meio a conflitos religiosos, guerras e várias adversidades. Na era de uma explosão de tecnologias, experimentos altamente precisos, e de uma quantidade de dados assombrosa, o número de perguntas sem resposta cresce a cada nova descoberta, impulsionando ainda mais nossa curiosidade diante do desconhecido. Da Terra como centro do universo ao modelo cosmológico padrão do século XXI, o caminho percorrido até hoje e os muitos caminhos pelos quais ainda iremos andar é reflexo da nossa inerente inquietude diante de toda essa imensidão que nos rodeia. Se estamos perto de desvendar todos os mistérios do universo? Seria muita pretensão dizer que sim e já vimos isso acontecer antes na história da ciência. A beleza está no caminhar, e a satisfação, em cada novo degrau alcançado na grande escada do conhecimento.”

Escrito por

Nascida na capital federal, morei nos EUA, Itália e atualmente me encontro no país mais populoso do mundo. Isso mesmo, estou morando na China, mais precisamente na cidade de Hefei. Sinta-se a vontade para procurar essa pequena cidade (para os parâmetros chineses) de mais de 7 milhões de habitantes no mapa. Sou formada em Física pela Universidade de Brasília e PhD em astrofísica pela universidade de Roma. Sempre ávida por dividir conhecimento, não somente no campo das ciências, mas também as minhas experiências pessoais , preferências literárias, etc. O leque é muito grande, então por simplicidade, digamos que gosto de debater sobre tudo e sobre nada, sobre qualquer coisa der na telha.

Um comentário em “O universo escuro

Deixe uma resposta para Mao Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s