Ondas gravitacionais

A existência das ondas gravitacionais é uma consequência direta da teoria da relatividade geral (RG) de Einstein finalizada no ano de 1916. Hoje, o modelo padrão para o funcionamento do universo baseia-se nessa famosa teoria. Muitas evidências a favor da RG foram acumuladas durante os 100 anos de sua formulação matemática, mas somente em fevereiro […]

Leia mais

Observando o passado

O universo é literalmente uma máquina do tempo. Olhar para o céu é olhar para o passado. Tudo isso porque a velocidade da luz não é infinita e, portanto, não observamos nada ao nosso redor instantaneamente. Pense, por exemplo, em uma noite escura sob uma forte tempestade. Quando um raio corta o céu, podemos demorar […]

Leia mais

O Sol

Com uma temperatura superficial de aproximadamente 5700°C, o maior objeto do Sistema Solar, é a fonte de luz e calor que abastece nosso planeta. O Sol, formado basicamente por hidrogênio e hélio, possui cerca de 4,5 bilhões de anos. No século XVII, Galileu Galilei observou manchas na superfície do Sol. Na época, o debate acerca de […]

Leia mais

A Via Láctea

O termo galáxia deriva da palavra grega “gala” que significa leite. A faixa esbranquiçada de aparência leitosa que vemos no céu em uma noite escura (longe das grandes cidades) é a galáxia da qual fazemos parte: a Via Láctea. O Sol é uma estrela entre centenas de bilhões  que formam essa grande coleção de estrelas, […]

Leia mais

A descoberta dos raios cósmicos

A capacidade do ar de conduzir eletricidade é conhecida há séculos. Experimentos relacionados a objetos eletricamente carregados vinham sendo conduzidos já no século XVIII. O físico francês Charles A. Coulomb  já havia constatado, naquela época, que uma esfera eletricamente carregada suspensa por um fio de seda perdia espontaneamente sua carga mesmo em ambiente fechado. Apesar […]

Leia mais

Estrelas binárias

Ao observamos os pontinhos brilhantes no firmamento em uma noite sem nuvens, não os distinguimos todos. Isto porque o nosso olho não é capaz de sozinho detectar todas as estrelas no céu. Muitas das estrelas que vemos como um único pontinho brilhante são na verdade parte de sistemas constituídos de duas ou mais estrelas. Acredita-se […]

Leia mais

No limite do Sistema Solar

O nosso Sistema Solar é muito mais do que oito planetas orbitando ao redor do Sol. Um numeroso grupo de objetos menores localizado além da órbita de Netuno forma uma espécie de anel ao redor do Sol, chamado de cinturão de Kuiper. Previsto em 1951 pelo astrônomo holandês Gerad Peter Kuiper, o cinturão teve seu […]

Leia mais

Explosões nos confins do universo

As explosões mais luminosas do universo (ficando atras somente do Big Bang, a grande explosão inicial, de acordo com o modelo cosmológico padrão) produzem no céu um clarão que pode durar até centenas de segundos. Infelizmente, essas explosões não podem ser vistas por nós a olho nu. A energia é liberada quase que totalmente sob […]

Leia mais